Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
24 de agosto de 2019
min. 22º máx. 28º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Saiba como será a abertura do comércio no Dia da Padroeira de Maceió
14/08/2019 às 11h20

Política

Deputada Cibele Moura apresenta aplicativo Maju como modelo de empreendedorismo

Parlamentar destaca iniciativa e lembra que transporte é exclusivo para motoristas e passageiras mulheres

Divulgação

A deputada estadual Cibele Moura (PSDB) voltou a defender, na sessão desta terça-feira (13), na Assembleia Legislativa Estadual (ALE), o empreendedorismo como saída para o desemprego no Brasil. Cibele apresentou o aplicativo Maju, que tem por finalidade o transporte exclusivo de mulheres e está em fase de implantação em Maceió. Todos os carros também serão dirigidos unicamente por mulheres. 

“O empreendedorismo é um tema que venho defendendo desde o começo do meu mandato. Que ao meu ver pode resolver o principal problema da sociedade não só alagoana, mas brasileira, que é o desemprego. Mas para isso o Estado tem que ajudar no sentido amplo da palavra. Um Estado que é acostumado a atrapalhar e botar barreiras, em fazer com que o pai de família tenha mais dificuldade de arrumar emprego”, disse parlamentar. 

Cibele informou que participou nessa segunda-feira de uma reunião com os empreendedores do aplicativo Maju e destacou que apoia a iniciativa, que é semelhante ao Uber. “São aplicativos, plataformas digitais que estão gerando emprego, dando oportunidade para os pais e mães de famílias trabalharem em Alagoas”, disse. 

“O aplicativo Maju consegue mostrar, em uma só empresa, que tudo o que eu defendo no meu mandato, consegue ir para a frente, que é o empreendedorismo. Mais especificamente, o empreendedorismo feminino resolvendo problemas sociais”, destacou Cibele Moura. 

A deputada ressaltou que fazer com que a mulher se sinta segura é ponto importante na iniciativa. “Hoje esse aplicativo chega com carros que motorista só pode ser mulher e o passageiro também”, informou, ao defender a aprovação pela ALE de uma lei que permita o transporte intermunicipal por aplicativo. A gente vai conseguir ajudar fazendo com que essa Casa seja protagonista da mudança de paradigma nesse Estado, que permita que mais pessoas possam empreender. Apenas 25% a 35% dos empreendedores brasileiros são mulheres", pontuou.


Fonte: Assessoria

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]