Dólar com. 5.7446
IBovespa -2.72
31 de outubro de 2020
min. 24º máx. 28º Maceió
pancadas de chuva
Agora no Painel Falta de manutenção contribuiu para acidente aéreo que matou Boechat
17/09/2020 às 14h38

Blogs

A Verdade

Adriano Argolo - Arquivo Pessoal

Desde que “me entendo por gente” que sigo 1 dos primeiros ensinamentos de meus pais, “verdade sempre”. Por mais difícil e dura que seja, é infinitamente melhor que mentir. Lembro bem do “mentira tem perna curta”, e também de “o diabo encobre, encobre, um dia, ele mesmo desencobre”.

Como jornalista, é premissa em meu trabalho, se não for verdadeiro, não indico, não recomendo, não divulgo.

Pode até demorar, mas o que é real, se comprova, afinal, contra a verdade, não há mentira que sobreviva. Lembrando aqui de quando começou a maldita onda das notícias falsas. E como brasileiro adora estrangeirismos, “fake news” passou a fazer parte da vida Brasil afora.

E também lembro bem da minha indignação quando vi a Polícia Federal entrando na casa da família do advogado Adriano Laurentino de Argolo, bem cedo na manhã do dia 21 de março de 2019. Este mandato de busca e apreensão foi, literalmente, o n* 1 no inquérito que apura estas famigeradas “fake news” no país. Nesta ocasião, levaram até o celular de Adriano, que ainda não devolveram, 1 ano e 8 meses depois. 

Neste tempo todo, a indignação e os traumas em todos da família não amenizaram, mas a certeza de que a verdade seria comprovada se manteve. Adriano e eu moramos na mesma quadra no Gurgury, e estamos sempre em contacto, inclusive através de grupo de vizinhos no Whastapp, e qual foi minha felicidade esta manhã, quando ele compartilhou esta boa nova, o inquérito foi devidamente é justamente arquivado. O + incrível, a denúncia era que Adriano Argolo estava ameaçando ministros do Supremo através de sua conta no Facebook. O + incrível ainda, ele nunca, eu ‘disse’ nunca, teve conta na citada plataforma de relacionamento social virtual. Só daí, este arquivamento deveria ter acontecido, já que, esta conta era falsa, Adriano não tinha perfil no FB.

Mas enfim, por + que alguns ideologicamente insanos creiam na “terra plana”, o globo terrestre é redondo e dá voltas ininterruptamente, e por + que a verdade demore a ser comprovada, ela  chega. E este absurdo caso está arquivado.

Claro que não apagará da memória e do coração das vítimas as consequências desta mentira, nem este desfecho terá o mesmo destaque dado pela mídia quando esta invasão policial pôs a vida da família Argolo de cabeça para baixo, mas aqui, confirmo que nunca acreditei que Adriano houvesse ameaçado ninguém, e feliz por ele e com ele, celebro + esta vitória da verdade, que pode demorar, mas garante Justiça. Parabéns Adriano, por se manter correto na vida e com a vida.


Fonte: Felipe Camelo


Felipe Camelo por Felipe Camelo

 Jornalista formado no Rio de Janeiro. Em Alagoas, passou pelas principais redações de jornais e portais .Tem em sua história profissional a cobertura de vários eventos importantes festivos e culturais em Maceió e outras cidades. É um apaixonado por fotografia. Para Felipe, “fotografar significa congelar o tempo”.

Todos os direitos reservados
- 2009-2020 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]