Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
10 de abril de 2020
min. 25º máx. 33º Maceió
sol com poucas nuvens
Agora no Painel Covid-19: Brasil registra 941 mortes e 17.857 casos desde início de pandemia
10/07/2019 às 12h34

Blogs

Celular e as Alterações Ortopédicas


Como viver hoje em dia sem um celular?

Hoje os novos tipos de celulares, os smartphones, oferecem à sociedade a possibilidade de navegação na internet permitindo acesso às noticias em tempo real.  Além de oferecer aplicativos, agenda eletrônica, jogos, redes sociais, ou simplesmente realizar ligações ou mandar e/ou receber SMS.

Em Alagoas o número de linhas ativas de celulares tem aumentado muito nos últimos anos, assim como em todo o Brasil. Entretanto, apesar do grande beneficio, o celular pode também proporcionar alguns problemas, como o vicio e algumas alterações ortopédicas. Portanto o uso incorreto do seu celular pode prejudicar sua postura.

O uso desses dispositivos influencia a nossa postura e a mecânica corporal de maneiras não saudáveis. Isso contribui para constantes dores no pescoço, costas, ombros e braços.

Segundo a SBOT (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia) os principais problemas ortopédicos são: Pescoço (coluna cervical): sobrecarga pela inclinação da cabeça; Ombros: sobrecarga pelo esforço de segurar o aparelho por muito tempo na mesma posição; Mãos e dedos: problema com os movimentos repetitivos da digitação.

Portanto o uso inadequado do celular pode resultar em alterações musculoesqueléticas, promovendo dores que pode chegar à limitação dos movimentos do pescoço e nas articulações dos membros superiores, prejudicando o desenvolvimento de suas atividades do dia a dia.

Siga as recomendações da SBOT e evite dores:

1.  Não use o seu celular ou tablet para trabalhos longos. Prefira seu computador de mesa ou laptop. Verifique se esses dispositivos estão dispostos ergonomicamente.

2.  Ao usar seu celular, levante-o e aproxime-o um pouco abaixo do seu rosto.

3.  Apoie o braço em uma superfície estável.

4.  Faça exercícios de alongamento para aliviar a tensão no pescoço, como o movimento de “sim” e “não” com a cabeça.

Atitudes simples, como trazer o aparelho celular até a altura dos olhos, são fundamentais para prevenir lesões associadas à má postura.

O celular é uma ferramenta importante nos dias de hoje, use-o com moderação.


Dê sugestão para as próximas postagens. 

e-mail: [email protected]

Instagram: rbssaude

Twitter: @RbsSaude

Facebook: @rbssaude

 


Dr. Rogério por Dr. Rogério Barboza

Rogério Barboza da Silva é alagoano, médico ortopedista. É preceptor de  residência médica em ortopedia e traumatologia do Hospital do Açúcar. Coordena a Liga Acadêmica de Ortopedia e Traumatologia (LAORTT/UNIT) e o Núcleo de Assistência do Pé Torto(NAPTC). É Professor Especialista do  curso de medicina da UNIT/AL.

Todos os direitos reservados
- 2009-2020 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]